Mercado de trabalho e o preconceito contra a minoria homossexual

Autores

  • Fernando Ribeiro Santos Faculdade de Tecnologia de Praia Grande
  • Antônio Carlos Estender Universidade Guarulhos
  • Janison Nascimento Silva Universidade Guarulhos
  • Samuel Freitas Santos Universidade Guarulhos

Palavras-chave:

Homossexuais, Mercado de trabalho, Preconceito

Resumo

O presente artigo aborda a temática do preconceito sofrido pelos homossexuais no mercado de trabalho, por falta de conhecimento sobre diversidades e por uma cultura patriarcal heteronormativa, uma vez que, a discriminação continua sendo percebida nessa parcela da população em todas as áreas do ambiente profissional. É fato de que os homossexuais estão se inserindo cada vez mais no mercado de trabalho, mas para que isto deixe de ser um problema é necessária uma mudança social e cultural. Desta forma pretendeu-se demonstrar que diante de valores históricos, culturais e na Constituição Federal do Brasil todos são iguais, sem qualquer tipo de discriminação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

BORGES, Jorge Luis. Um Modelo para a Morte. Os Suburbanos. O Paraíso dos Crentes. Rio de Janeiro: Ed. Globo, 2008.

BRASIL. Código Civil de 2002. 9. ed. São Paulo: Saraiva, 2003.

BRASIL. CONSTITUIÇÃO DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL, de 05 de outubro de 1988. São Paulo: Ed. Manole.

CARVALHO, J. R. M.; SILVA, M.; HOLANDA, F. M. A. Perspectivas dos formandos do curso de ciências contábeis em relação ao mercado de trabalho de IES pública no estado do rio grande do norte. In: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, EnANPAD, 30, 2006, Salvador. Anais do XXX EnANPAD. Salvador: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2006.

CHIAVENATO, I. Planejamento,recrutamento e seleção de pessoal: Como agregar talentos à empresa. Ed. Altas: São Paulo, 2004.

COX, Jr, T. Work Force Diversity and Organizational Performace. Disponível em: <http://www.migration-boell.de/web/diversity/48_1569.asp>. Acesso em: 18 out. 2011.

CRESWELL, John W. Projeto de Pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2010.

DARWIN, Charles. A origem das Espécies de 1859. Ed. Escala: São Paulo, 2009.

DEUS, Enézio de. Família: Para além do “Numerus Clausus”. Disponível em: <http://www.ibdfam.com.br/public/artigos.aspx?codigo=262>. Acesso em: 13 set. 2011.

FRANCO, Vera Lúcia. Homossexualidade: Além das teias do preconceito. Disponível em: <http://istoe.terra.com.br/planetadinamica/site/reportagem.asp?id=146>. Acesso em: 13 set. 2011.

FERNANDES, Jacinta Gomes. União Homoafetiva como Entidade Familiar. Disponível em: <http://www.nagib.net/variedades_artigos_texto.asp?tipo=14&area=3&id=448>. Acesso em: 12 set. 2007.

FERREIRA, Aurélio Buarque de Holanda. Dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. 5. ed. Curitiba: Ed. Positivo, 2010.

GAMSON, Joshua. Sexualities, queer theory, and qualitative research. In: DENZIN, Norman K.; LINCOLN, Yvonna S. (Eds.) The SAGE Handbook of qualitative research. Thousand Oaks, CA: Sage, 2000, p. 347-365.

HUBERMAN, Leo. História da riqueza do homem. Ed. Zahar: Rio de Janeiro, 1974.

IBAIHM, Maria Edilane. 2011. Entrevista concedida a Janison Nascimento da Silva e Samuel Freitas dos Santos.

JESUS, Jaques. O homossexual e o trabalho. Disponível em: <http://www.armariox.

com.br/conteudos/artigos/023-homoetrabalho.php>. Acesso em: 13 set. 2011.

LARAIA, Roque de Barros. Cultura: Um Conceito Antropológico. Jorge Zahar Editores: Rio de Janeiro, 1986.

LOPES, Otavio Brito. A Questão da Discriminação no Trabalho. Disponível em: <http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/revista/Rev_17/Artigos/art_otavio.htm>. Acesso em: 13 set. 2011.

MAIR, Lucy. An Introduction to Social Anthropology. Inglaterra, Oxford University Press, 1965. Tradução brasileira: Introdução à Antropologia Social. 6. ed. Ed. Zahar, Rio de Janeiro, 1984.

MACHADO, Carolina de Paula. A designação da palavra preconceito em dicionários atuais. 2007. Dissertação (Mestrado em Linguística). Programa de Pós-Graduação em Linguística, Universidade Estadual de Campinas, Unicamp, Campinas, 2007.

MELLO, Celso Antonio Bandeira de. O Conteúdo Jurídico do Princípio da Igualdade. São Paulo: Malheiros Editores, 2002.

MISKOLCI, Richard. A Teoria Queer e as Questões das Diferenças: por uma analítica da normalização. In: CONGRESSO DE LEITURA DO BRASIL, 16., 2007, Campinas. Anais Eletrônicos... Campinas, SP: NICAMP, 2007. Disponível em: <http://alb.com.br/arquivo-morto/edicoes_anteriores/anais16/prog_pdf/prog03_01.pdf>. Acesso em: 20 maio 2012.

MISKOLCI, Richard; SIMÕES, Júlio A. Dossiê: sexualidades disparatadas. Cadernos Pagu, Campinas, n. 28, p. 9-18, jan./jun. 2007. Disponível em: <http://www.scielo.br/pdf/cpa/n28/02.pdf>. Acesso em 20 maio 2012.

MOTT, Luiz Roberto. Homofobia. Rio de Janeiro: Ed. Rio de Janeiro, 1997.

OIT, Organização Internacional do Trabalho. Brasil, Gênero e Raça. Todos Unidos pela Igualdade de Oportunidade. Brasília: Ed. Assessoria Internacional/MTB, 1998.

PEDROSA, João Batista. O assédio moral e a autoestima do homossexual. Disponível em: <http://www.armariox.com.br/conteudos/colunistas/pedrosa/autoestima.php>. Acesso em: 13 set. 2011.

PEREIRA, Bill N.; AYROSA, Eduardo A. T.; OJIMA, Sayuri. Consumo entre gays: compreendendo a construção da identidade homossexual através do consumo. In: Encontro da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, EnANPAD, 29, 2005, Brasília. Anais do XXIX EnANPAD. Brasília: Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Administração, 2005.

PREFEITURA DA CIDADE DE SÃO PAULO, Secretaria de Planejamento. Diversidades. Um Enfoque nas Desigualdades de Gênero, Cor, Geração. São Paulo: Ed. São Paulo, 2007.

RIFKIN, Jeremy. O fim dos empregos: o declínio inevitável dos níveis dos empregos e a redução da força global de trabalho. São Paulo: Makron Books, 1995.

SANTOS, Georgina C. M.; RODRIGUES, Ivete; DUTRA, Shirley E.; COSTA, Bruna B. L. Gestão da Diversidade: um estudo entre as “melhores empresas para você trabalhar”. In: Seminários em Administração da Universidade de São Paulo, SEMEAD, 11, 2008. Anais. São Paulo: USP, 2008.

SEDGWICK, Eve K. Epistemology of the Closet. In: ABELOVE, Henry et alli. The lesbian and gay studies reader. New York/London, Routledge, 1993:45-61. Tradução: Plínio Dentzien; Revisão: Richard Miskolci e Júlio Assis Simões. Cadernos Pagu [Unicamp], 28, janeiro-junho, Campinas, 2007, p. 19-54.

SUSSEKIND, Flora. Machado e a Musa Mecânica. São Paulo: Ed. Folha de S. Paulo, 2005.

TEIXEIRA, Marco Antonio Carvalho. Experiência de Gestão Publica e Cidadania. São Paulo: Ed. Dedone, 2006.

THOMAS Jr., R.R. Beyond race and Gender: Unleashing the Power of your Total Work Force by managing Diversity. New York: Ed. Amacon, 1991.

VENTURA DOS SANTOS, Ricardo. Da Morfologia às Moléculas, de Raça a População: Trajetórias Conceituais em Antropologia Física no Século XX. Rio de Janeiro: Ed. Fiocruz, 1996.

Publicado

2012-10-01

Como Citar

SANTOS, F. R.; ESTENDER, A. C.; SILVA, J. N.; SANTOS, S. F. Mercado de trabalho e o preconceito contra a minoria homossexual. Revista Processando o Saber, v. 4, n. 1, p. 97-115, 1 out. 2012.

Edição

Seção

Tecnologia em Gestão Empresarial